Aleitamento materno no Brasil


TEXTO 1

Somente 38,6% dos bebês brasileiros se alimentam só com o leite da mãe nos primeiros 5 meses de vida, segundo um relatório Organização Mundial da Saúde divulgado nesta terça-feira (1º). A taxa é considerada abaixo do ideal, mas regular em relação a outros países pela OMS -- a média mundial de amamentação nos primeiros 6 meses de vida fica em torno de 20% a 40% (a diferença no número de meses se deve ao fato de os dados disponíveis não serem padronizados).

 

No quesito alimentação exclusiva de leite nos primeiros meses, o país está na frente da Argentina (33%) e atrás da Bolívia (64,3%). Quando considerada a amamentação até 1 ano, o índice brasileiro melhora (47%) ; até os 2 anos, contudo, esse número cai pela metade (26%).

 

A Organização Mundial da Saúde ressaltou ainda que apenas 23 países no mundo superam a taxa de 60% de amamentação exclusiva nos primeiros meses. A avaliação da OMS, a "Global Breastfeeding Scorecard", analisou a amamentação em 194 países.

 

 

TEXTO 2

Uma das principais preocupações da OMS com a amamentação é a tentativa de diminuir o número de óbitos no momento em que bebês estão particularmente mais fragilizados -- ou seja, nos primeiros meses de vida. A amamentação previne diarreia e pneumonia, duas das maiores causas de morte em crianças, diz a OMS.

 

“É nesse momento que a mãe vai passar todos os anticorpos e nutrientes para o bebê”, explica Marisa. Ainda, o leite materno contribui para a saúde em todos os aspectos e para o desenvolvimento cognitivo ao longo da vida.


 

TEXTO 3

A professora da Unifesp frisa que é preciso focar também na saúde da mãe. “Ela não vai conseguir uma boa produção e um leite de qualidade se não estiver bem nutrida e alimentada. Tudo começa ainda na gravidez”, explica a ginecologista. “Um ambiente de muito estresse também pode impedir a produção do leite.”

 

Uma outra dificuldade para atingir as metas de amamentação -- pelo menos no Brasil -- é em relação ao prazo da licença maternidade, de 120 dias. "Depois que a mulher volta ao trabalho, ela encontra muita dificuldade de amamentar", diz Marisa.

 

"Hoje o recomendável é que o bebê mame por livre-demanda, ou seja, a hora que quiser. Isso é muito difícil no ambiente de trabalho e o ideal era que essa mulher conseguisse uma licença aleitamento", explica.

 

TEXTO 4

Resultado de imagem para amamentação brasil

A ELABORAÇÃO DO TEXTO

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema: " Aleitamento materno no Brasil ". Apresente proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.